Jeter.png
Por Jeter Reinert Sobrinho

Analisando

17 Maio 2018 15:01:07

BOLSONARO LIBERAL?

Presidenciável Jair Bolsonaro, pelo menos no discurso tem mostrado que aderiu ao liberalismo econômico e a uma proposta de Estado menor.

Em palestra na semana passada ao Poder360 disse que, se presidente, fará a privatização de pelo menos 2/3 das empresas estatais, mas manterá sob administração federal os atuais bancos públicos e parte do setor energético.

Promete manter política de teto de gastos públicos, estabelecida por Michel Temer em emenda à Constituição; nomeação de técnicos para os ministérios, que quer diminuir para no máximo 15 e utilizar de verdade do critério "notório saber jurídico" para nomeações para o STF.

Quanto à Previdência, promete reformá-la, porém, disse que chegará à idade mínima de 65 anos de forma gradual e que dará ênfase à reforma da aposentadoria pública, onde estão os abusos e privilégios.

PAULO GUEDES DÁ AS CARTAS NA ECONOMIA 

Bolsonaro parece ter aderido ao liberalismo econômico de seu guru para a área, Paulo Guedes. Seu futuro ministro da Fazenda é adepto da política radicalmente liberal e de estado mínimo. Prega, inclusive, a venda de todas as estatais e que o fruto disso seja utilizado para pagamento da dívida mobiliária brasileira que consome mais de 300 bilhões de reais ao ano em juros. Segundo diz, em 25 anos se acabaria com a pobreza e desigualdade no Brasil só com a utilização desses recursos.

OVO DE OURO 

Operação "Prato Feito" da PF/CGU/MPF que achou quase 6 milhões de reais em "cash" na casa do prefeito de Mongaguá e que apura fraudes em recursos destinados à Educação em municípios paulista, descobriu que a Prefeitura de Tietê chegou a pagar R$ 12,15 por um ovo para a merenda escolar!

Números mostram que, talvez, o que têm aparecido em corrupção na Lava-Jato seja apenas a ponta do iceberg de esquemas que ocorrem todos os dias em muitas das prefeituras brasileiras.

OLHA O GILMAR AÍ GENTE!!!! 

Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), que tem como sócios Francisco Mendes e seu pai Gilmar, sim, aquele do STF, recebeu em patrocínios em 2016 cerca de 4,3 milhões de reais.

Souza Cruz, Bradesco, Friboi, Triunfo Engenharia e Google figuram entre os maiores patrocinadores do Instituto, mas que, em alguns casos, não quiseram que seus nomes aparecessem em lugar nenhum.

Cerca de 300 processos que passaram pelo gabinete do ministro do STF e sócio Gilmar Mendes são de alguns dos que constam no rol de patrocinadores.

Salientando de que a legislação brasileira permite que ministro do STF seja sócio de empresa privada. Veda, porém, gerência.

Gilmar não consta como dirigente da entidade.

COOPER EM TIMBÓ 

Em contato por telefone com o presidente da Cooper, Osnildo Maçaneiro, recebemos informação de que a empresa aguarda aprovações finais em seu projeto para início efetivo das obras da unidade do supermercado no bairro das Capitais em Timbó.

Cronograma previa início das obras em fevereiro e término no final do ano, mas alguns detalhes atrasaram o mesmo.

Conselho da Cidade está convocado para semana que vem tratar de forma terminativa o assunto.

Cooper promete investir 30 milhões em Timbó com a oferta de mais de 200 empregos.


Jornal O Indaialense
R. Caçador, 406, Bairro das Nações, Timbó - SC,
89120-000 | Telefone (47) 3382-1855