01_Assinatura-01_SITE.jpg
Luiz Cláudio Alternburg.png
Por Luiz Claudio Altenburg

Tempos desafiadores

Em tempos do coronavírus e da doença Covid-19, muitos são os desafios para o mundo e para o Brasil. A vida não está normal: não há aulas, apresentações, shows, espetáculos. As máscaras fazem parte da vestimenta de cada dia, assim como o álcool em gel. Parece que vivemos vários anos no período de tempo de janeiro de 2020 até agora. Um acontecimento pelo qual ninguém esperava.

Olhando para a história, porém, podemos buscar aprendizados. Um exemplo de problema e de desafio foi a Segunda Guerra Mundial, conflito armado entre dezenas de nações e milhões de pessoas, militares e civis. Problema porque a guerra não escolhe local, ela vai passando, envolvendo cidades, casas, tirando a liberdade e a rotina das pessoas, ricas ou pobres, sadias ou doentes, homens, mulheres, crianças e idosos. Além da guerra, veio a fome, as doenças pela falta de higiene e remédios, a pobreza, as perseguições. Mas foi também um desafio, porque as pessoas precisaram manter a fé, a sanidade; lutar e buscar forças.

A Segunda Guerra Mundial foi de 1939 até 1945, e quando ela terminou, nos meses e anos seguintes os sobreviventes reconstruíram sua vida. Hoje, países como Alemanha, França, Polônia, Itália, Inglaterra, países duramente atingidos pela guerra, são desenvolvidos. Trazendo agora para os nossos dias, podemos fazer uma relação. Parece surreal, o vírus invisível se espalhando entre as pessoas, trazendo doenças, mortes e prejuízos econômicos. Entretanto, esse vírus passará um dia, seus efeitos desaparecerão, assim como a Segunda Guerra Mundial terminou há várias décadas. Enquanto isso ainda não ocorre, tratemos de cuidar de nós: esse é o maior desafio. 




Jornal O Indaialense
R. Caçador, 406, Bairro das Nações, Timbó - SC,
89120-000 | Telefone (47) 3382-1855