S
egurança

Investigação

Bombeiros fazem buscas ao médico desaparecido

20 Junho 2018 17:13:00

Trabalho conjunto tem sido feito para encontrar pistas sobre o possível paradeiro de Cleonildo de Oliveira

Greici Siezemel/JMV
Foto: André Hahnebach/JMV

TIMBÓ - Durante o dia de hoje, 20, uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar de Timbó, com o apoio da Defesa Civil, está empenhada em fazer buscas ao anestesiologista do Hospital Oase, Cleonildo de Oliveira, que está desaparecido desde a noite do último sábado, dia 16. Até o momento, as buscas são feitas nas proximidades do Complexo Esportivo de Timbó, onde o veículo foi encontrado, especialmente no Rio Benedito. "O Corpo de Bombeiros recebeu a solicitação de apoio da Polícia Civil na tarde de ontem, dia 19, e desde então tem feito buscas de ordem superficial no local, até porque não se tem uma confirmação de onde pode ser o paradeiro do médico. Fazemos buscas superficiais embarcadas também na área do rio, visando tentar encontrar alguma informação sobre o paradeiro da suposta vítima. Estamos avaliando a possibilidade, conforme a evolução do caso, de solicitar o apoio cinotécnico, que seria a busca com o auxílio de cães, da corporação. Hoje tivemos o apoio de um drone. Fizemos uma filmagem área do local, mas até o momento, nada foi encontrado", informou o Comandante da 2ª Companhia de Bombeiros Militar de Timbó, Tenente Filipe Daminelli, à redação do JMV.

O delegado Raphael Souza Werling de Oliveira disse que a investigação da Polícia Civil (PC) corre em total sigilo. "As investigações começaram ontem, quando o fato chegou ao conhecimento da PC, nossa equipe está focada nesse caso. Aguardamos o laudo da perícia, que é uma prova técnica que instrui o inquérito policial e vai servir de prova em juízo em uma futura ação penal. Não podemos fazer afirmação antes do resultado do laudo", observa o delegado. 

A Polícia Militar presta auxílio à PC. "Para nós chegou uma denúncia dizendo que havia um veículo abandonado nos fundos do Complexo Esportivo no domingo à noite, dia 17. A guarnição foi até o local e viu o veículo estacionado ali. Tentamos contato com as pessoas que estão cadastradas no nosso sistema, mas não conseguimos falar com ninguém e o carro foi removido ao pátio. Ontem, dia 19, pela manhã, recebemos a informação do sumiço do médico por familiares e ligamos o veículo à pessoa desaparecida. Em seguida, comunicamos o fato a PC", relatou o comandante da 2ª Companhia da Gein, capitão Pablo David Henden. 

A qualquer momento, mais informações sobre o caso, acompanhe nossas redes sociais!


14319673464250.png
Jornal O Indaialense
R. Caçador, 406, Bairro das Nações, Timbó - SC,
89120-000 | Telefone (47) 3382-1855